Páginas

segunda-feira, 13 de abril de 2015

O Roubo do Objeto Perdido _ Capitulo 2






   Um jovem muito rico chamado Enrico Garcia e é conhecido na cidade como El Rico .
   Fala Sério ,
   Carlos ,
   Desculpe Senhora .
   Apesar do nome e do apelido El Rico é Brasileiro e gosta de arriscar no Portunhol , é casado com Natasha Garcia, são os jovens mais ricos da cidade .
   Não me lembro de ter visto ele com a mulher ...
   Você não lembra nem o que bebeu lá .
   Eu lembro do beijo ,
   Cala a boca Carlos ,
   Do que você está falando , que beijo ?
   Roberto senta, Carlos e Juliana quietos, Romy querida tudo bem ?
   Sim senhora, só um pouco enjoada ,
   Boaventura continue por favor ...
   Obrigado inspetora , apesar de tudo eles ainda moram na casa dos pais dele, os Garcia são praticamente dono de tudo , são como os donos da cidade .
   E qual foi o objeto em questão , o que eles estão sendo acusados de roubar ?
   Um colar de Diamantes ...
   Uau !

   Dessa vez a inspetora nem falou, só olhou para o jovem Carlos ...
   Desculpe senhora ,
   E de todos que estavam aquela festa, naquela noite, ele suspeitou exatamente dos três aqui presente , a grande pergunta é por que ?
   Segundo testemunho dele, ele viu quando os três deixavam o local onde se encontravam a joia, entrou no salão não avistou o colar então informou a segurança e chamou a policia ...
   Então se eles roubaram o colar ele só pode está ...
   Casa , reviramos tudo e não encontramos nada ... "garantiu um policial" ,
   E onde mais eles esconderiam o colar Delegado ?
   Sim , também não foi encontrado com eles ,
   Se não ha provas então ...
   Senhora eles estão livres, porem , até que se resolva tudo não poderão sair da cidade .
   E o senhor e seus homens vão resolver tudo ?
   Sim , com ajuda e espero que aceite , da senhora e do inspetor Roberto ,
   Livrar a cara deles, farei com prazer, não sei se o acusador irá concordar ,
   Creio que não será nenhum problema ,
   
   Do lado de fora da Delegacia ...

   Quero explicações , que história é essa de ...
   Roberto agora não, vamos pra casa, vocês vão tomar banho e dormir, mais tarde ai sim com a cabeça mais fresca e o corpo mais descansado vai começar a resolução desse caso ,
   O Roubo do Objeto Perdido ,
  isso mesmo Carlos ...

   Ainda na delegacia naquela tarde ... 

   Não creio que El Rico irá concordar com isso ,
   Natasha ela é a melhor no que faz, a inspetora vai achar o colar ,
   Ele não vai aceitar Delegado ,
   E é ai que você entra , você tem que fazer que ele aceite ,
   Como ?
   Ora você é a esposa dele deve saber o jeito ,
   Não , eu não posso ele ...
   Você tem que tentar ,
   Não sei se consigo Delegado ,
   Ora você não conquistou aquele mulherengo, faz a mesma coisa que fez para ele ficar louco por você ...
   Pai ? ...

   A tarde na casa de Praia a senhora inspetora Elisabeth Calderon se encontrava sentada com um bom livro no aguardo dos jovens acusados, calmamente lendo o seu livro, com um bloco de anotações e uma caneta na mesinha ao lado, enquanto o impaciente Roberto anda de um lado para o outro ...

   Meu amigo já vejo um decline onde você esta passando , se acalme homem , senta ai ... "com a mão indica uma cadeira" ...
   Sabe que não é indicado dizer se acalme pra quem esta ... " ele não termina a frase ao ver no olhar de sua amiga a indicação para sentar e senta .
   
   Minutos depois Carlos é o primeiro a aparecer e já ouve ...

   Que história de beijo é essa ?
   Roberto ! ola Carlos conseguiu descansar meu jovem ?
   Sim senhora,
   A dor de cabeça ?
   Passou, obrigado pelo remédio ,  
   de nada meu querido ,
   Eu queria me desculpar ...
   Depois, vamos esperar pelas meninas ...

   A segunda foi Romy , já se encontrava maquiada e com belo batom vermelho pronta pra sair ,

   Boa tarde !

   Todos responderam a jovem mais nem todos com o sorriso bobo de Roberto ,

   Eu vou dar um volta ,
   Na verdade minha jovem quero lhe falar antes ,
   Por favor, pode me perguntar o que quiser senhora, sou um livro aberto ,
   Só vamos aguardar a chegada de Juliana ,

   Com um pouco mais de demora e a impaciência de Roberto ter desaparecido um pouco com a presença de Romy , Juliana ainda de pijama da o ar da graça ,

   Nossa gente quem morreu ?
   Você se não se sentar aqui agora ... "gritou o pai"
   E ainda se pergunta por que eu quero morar longe de você ,
   Querida quanto antes resolvermos isso melhor ,
   Sim senhora ,
   Quero que cada um conte o que aconteceu ontem , a partir do momento em que se despediram de mim e do Roberto .
  
   Os três começaram a falar ao mesmo tempo então a inspetora calmamente interviu e pediu para que cada uma pessoa falasse por vez , e a Romy foi a escolhida .

   Ponto em que se despediram, foram a um bar na beira da praia e que as meninas começaram a dançar, todos concordaram , foi a partir daqui que a coisa ficou feia e a história de cada um ficou confusa ... 

   Eu já tinha bebido algumas confesso , mais não estava bêbada, e vejo agora claramente ,

   Oi qual seu nome ?
   Romy
   Belo nome, que tal ir para uma festa de verdade ?
   Não sei não te conheço ,
   Orlando , primo do El Rico .
   Quem ?
   El Rico, não , você não é daqui ?
   Não , como você sabe ?
   Não tem garotas lindas por aqui nessa cidade ,
   É mesmo ?
   Vamos ?
   Só se eles forem também ... " apontando para Carlos e Juliana "
   Eles
   Sim
   Tudo bem
   Então vamos
   Nem ...
   Gente que história mais ridícula ,
   Esperem sua vez ,
   Crianças ,
   Senhora com todo respeito se é pra contar a história tem que se contar direito ,
   A é então como foi Carlos ?
   Posso senhora ?
   Se a Romy permitiu .
   
   Bem ...

   Elas estavam dançando 
   Vem Carlos dança com a gente ,
   Não sei dançar ,
   você disse que bêbado dança ,
   Não estou bêbado ,
   Olha que gatinho vou dançar com ele vocês ficam aqui ,
   Que oferecida !
   quem ?
   A Romy ala , perguntando o nome do cara ,
   Deixa ela, tá com ciumes ?
   Eu, não tá louca,
   A la eles estão se beijando
   Vamos dançar
   Oi o gato me chamou pra festa diz pra eles que vocês não estão a fim ,
   O que ? festa eu to dentro bora lá , onde é ?
   E Romy logo pra festeira da Ju você diz isso ...
   Pode parar por ai moleque
   Eu nem ...
   Eu não sou uma puta não ...
   Calma

   Senhora o que realmente aconteceu foi o seguinte ...

   Nossa como vocês dançam sexy meninas, vamos fazer a dança do maxixe , um homem no meio com duas mulheres fazendo sanduíche ...
   Quando eu achar um homem, quem sabe ,
   tira a mão dai moleque ,
   Esperem ai, eu achei , Ju fica ai com seu baba eu vou ali com um homem de verdade ,
   Romy não me deixa aqui com ele sozinha, se você colocar essa mão ai de novo ,
   sei que você quer ,
   Você tá bêbado sai , ala a Romy, se dando bem , garota de sorte , tá até beijando um gato , e eu , gente com esse moleque ...
   Eles dão uma bela de uma bela dica , eu disse bela duas vezes não foi ?
   Credo sai Carlos , você tentou me ...
   Vocês estavam se credo deixa pra lá ,
    E você ,
   Eu vou a uma festa com ele ,
   Melhor não, ele , o Carlos , está bêbado 
   Ótimo você leva ele pra casa ,
   Festa to dentro bora lá, quem quer outro beijo  ? ... 

   Você tentou beijar minha filha ?
   Eu , não , claro que não , se rolou beijo foi ela que tentou me beijar ,
   Eu seu moleque doido ,
  Bem quando eu cheguei lá, estava os dois se beijando ...



      Na semana que vem dia 20 / 04 / 2015 sai o Capitulo 3 . . .

Aproveite essa semana pra curtir a pagina , compartilhar e comentar sobre o que achou do Capitulo 2 do mini livro O Roubo do Objeto Perdido . . . 

Agradeço a todos ao apoio para o Karlos McLaren

até o próximo post

Beijos , Abraços e aperto de mão ,

Fuis



;   )


Nenhum comentário:

Postar um comentário